Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

As viagens dos Vs

Mulheres nutridas, famílias felizes

As viagens dos Vs

Especial Ano Novo | A vida é boa, agradeçam!

31.12.16 | Vera Dias Pinheiro
resoluções de ano novo + balanço do ano + realizações pessoais + lovetography + sessão de natal + gorro + cortefiel + fotografia de natal


2016...
Um ano de mudanças profundas;
Um ano do tudo ou do nada;
Um ano sem meios termos, de crescimento interior e de amadurecimento;
Um ano de ligações emocionais importantes e de pessoas que se cruzaram na minha com um propósito;
Foi o ano em que voltei a nascer, através do parto da Laura, ganhei poder e controlo sobre mim, o meu corpo e as minhas decisões - eu valho, eu importo!
Foi o ano em que a minha alma exigiu que tomasse as decisões certas para ser feliz e para sentir-me realizada;
Foi um ano rico em experiências, viagens e em oportunidades pessoais;
Foi o ano em que testei os meus limites e em que nem sempre soube estar à altura; 
Foi o ano em que gritei demais, chorei, dormi de menos, em senti, muitas vezes, que tudo a minha volta estava a ser demais para mim e em que senti a frustração de não estar a conseguir dar conta do recado;
Foi o ano em que senti que tive tudo e em que senti que não tive nada; 
Foi o ano em que coloquei o contador a zeros.

Foi um ano intenso, mas não foi um ano mau. 2016 elevou-me a um outro patamar em que eu nunca tinha estado, em que cresci muito e, em que de uma forma muito profunda, muito "de dentro" cheguei onde eu quero estar. Foi o ano da transformação, foi um ano de renascimento - no dia 29 de Março, dia em que a Laura nasceu de um parto natural lindo, intenso e pleno de amor e em que pela primeira vez, eu não tive medo agarrar a minha vida e de tomar as decisões certas para mim. Venci batalhas, como a da amamentação, disse basta a situações de abuso de poder (e despedi-me) e em que coloquei somente em mim a responsabilidade de ser feliz. 

2017...
Vai ser um ano duro de trabalho, de luta por conquistas, para garantir o meu lugar e para mostrar o meu valor. Mas eu ainda sou daquelas pessoas que acredita que se tens vontade de trabalhar, se te dedicas e se colocas tudo de ti no mínimo que fazes, vencerás. 
Tenho grande desafios pela frente, enquanto mãe, mulher, mas o grande desafio será o profissional. Sei que é urgente encontrar um equilíbrio, é urgente mudar as minhas rotinas de sono e preciso encaixar tempo para não abdicar do exercício físico - a terapia que me ajuda a manter a sanidade mental e os níveis de stress controlados sem ter que recorrer a outras coisas. 

Porém, nesta fase de transcrição, importa parar e agradecer:
- A todas as marcas, a todas as pessoas e a todas as parcerias que têm apostado em mim e que têm reconhecido o meu trabalho;
- Às pessoas que me lêem - vocês - que me acompanham, que vêm aqui diariamente, e cada vez mais, que partilham as suas experiências comigo, já rimos e já choramos juntos. Acreditem que são uma parte muito importante na vida deste blog, mais um no meio de tantos, e que são vocês que, muitas vezes, colocam um sorriso no meu rosto quando mais preciso. Vocês importam e fazem parte da minha vida;
- Às pessoa que se cruzam comigo, que ficaram, que se importaram e que transformam o meu dia diariamente. Não vou dizer nomes, pois tenho-me assegurado que essas pessoas sabem quem são dizendo-lhe isso pessoalmente e sempre que é necessário;
- À minha mãe, actualmente o meu braço direito, o esquerdo, o meu corpo inteiro. Sem ela era impossível ter feito tanta coisa nestes último nove meses;
- Aos meus filhos que nem sempre têm uma mãe a altura das exigências, mas que está consciente disso e que se esforça todos os dias para ser mais e melhor.
- Ao meu marido, não tem sido fácil mas estamos juntos;
- Às pessoas que aceitam os meus desafios, que se juntam às minhas ideias que querem fazer parte deste "algo" que está a ser criado e até está muito no início.

Grata, muito grata a cada uma de vocês. Grata à vida porque ela é boa; grata ao tempo, pois embora ele não perdoe, a vida e o tempo conjugaram-se de forma a que eu tenha podido desfrutar de certos momentos com uma maior plenitude e uma maior entrega do que a maioria das pessoas consegue. 



Um 2017 muito feliz para todos! 
Inspirem, respirem e vivam a vossa vida, porque ela é boa ❤ 



Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.